Cerimónias

Com as cerimónias militares na AFA apelamos à união, à coesão, à lealdade, à camaradagem; na esperança de cada um ser capaz de decidir o seu futuro apelando sempre à defesa da Pátria.

Nelas evoca-se os heróis nacionais que a defenderam ao longo dos séculos; honram-se os caídos nos campos de batalha; no campo da honra, e respeitam-se os símbolos nacionais. A memória do nosso povo é a condição essencial para a sua manutenção como Nação coesa.

Seguros destes valores apelamos à ordem, hierarquia, organização, respeito, à liberdade, pois sabemos que só assim podemos salvaguardar a nossa integridade dos seus valores, a nossa identidade e o nosso modo de ser militares integros para servir o bem comum da nossa Pátria, defendendo-a mesmo com o sacrifício da própria vida.

Várias Cerimónias

Compromisso do Código de Honra

Compromisso do Código de Honra

Antes do final do 1º semestre os novos alunos deverão sentir-se integrados como alunos da Academia da Força Aérea. Por tal motivo realiza-se a Cerimónia de Integração e Compromisso do Código de Honra do Aluno da AFA.

Juramento de Bandeira

Juramento de Bandeira

A cerimónia do Juramento de Bandeira é o ato mais solene e significativo para um jovem que decide abraçar a vida militar, marcando de forma permanente um compromisso individual de cada militar com a Pátria.

Imposição de Símbolos de Especialidade

Imposição de Símbolos de Especialidade

Durante o curso os alunos ostentam ao peito uma meia-asa, com o símbolo da especialidade a que se destinam.

Abertura Solene do Ano Letivo

Abertura Solene do Ano Letivo

Este dia marca a abertura oficial do ano escolar. Nesta cerimónia são entregues os Espadins e os Diplomas aos alunos que terminaram os cursos no ano anterior simbolizando, este ato, a sua entrada para o Quadro Permanente como Oficial da Força Aérea.

Dia da Academia da Força Aérea

Dia da Academia da Força Aérea

No dia 1 de Fevereiro, a Academia da Força Aérea celebra o seu aniversário, data do início da sua atividade. Como é tradição nas Unidades Militares as cerimónias iniciam-se de manhã, com o hastear da Bandeira Nacional e o Acender da Chama de Homenagem aos Mortos.